Black Friday: 10 dicas para não cair em golpes 

Atualizado em 24 de nov de 2021

Veja como se precaver e evitar dores de cabeça nesta Black Friday

Anúncios

 

A Black Friday de 2021 está chegando, e com ela, também vem a preocupação de muitas pessoas: afinal, é seguro aproveitar as promoções da data?

 

Bom, se você tomar as devidas precauções, é sim seguro fazer suas compras.

Anúncios

 

E para ajudar os consumidores que desejam aproveitar os descontos oferecidos pelas mais distintas lojas, a Febraban – Federação Brasileira de Bancos – alertou em sua cota oficial de uma rede social, aos consumidores que desejam fazer suas compras da Black Friday pela internet.

 

Assim como em qualquer compra que você faz na internet, é imprescindível ter cuidados na hora de adquirir produtos/serviços na Black Friday, aumentando a sua atenção para evitar cair em possíveis golpes.

 

A data é muito aguardada por brasileiros e brasileiras que estão querendo economizar com ofertas disponibilizadas, que muitas vezes realmente valem a pena.

 

“Embora as tentativas de golpes ou fraudes ocorram durante todo o ano, a Febraban alerta que quadrilhas aproveitam o momento de euforia com o grande volume de ofertas para aplicar golpes que causam grande prejuízo, especialmente usando a tática da engenharia social, que consiste na manipulação do usuário para que ele lhe forneça informações confidenciais e para o roubo de dados pessoais”, comentou a federação em sua publicação na rede.

 

Adriano Volpini, que é o atual diretor da Comissão Executiva de Prevenção a Fraudes da Febraban, explicou na postagem que “o consumidor deve redobrar os cuidados para fazer suas compras, e cita que nesta época do ano são comuns abordagens de criminosos com páginas falsas que simulam e-commerce; promoções falsas enviadas por e-mails, SMS e mensagens de WhatsApp e a criação de perfis falsos que investem em mídia para aparecer em páginas e stories de redes sociais.”

 

Além disso, o executivo também comentou o empenho da federação em ajudar o consumidor a evitar golpes e fazer suas compras sem dor de cabeça.

 

“Mais uma vez, a Febraban e seus bancos associados ampliam seus esforços de divulgação para que o consumidor faça suas compras de maneira segura durante a Black Friday. Queremos ajudar a criar uma forte cultura de proteção de dados em nosso país, auxiliando nossos clientes no uso de suas informações de modo seguro no ambiente digital”, afirma.

 

Se você também quer aproveitar as promoções e descontos que a sexta mais aguardada do ano pode te oferecer, siga com a sua leitura.

 

Abaixo, nós reunimos 10 dicas imprescindíveis para aproveitar a Black Friday sem cair em golpes. Leia com atenção e se resguarde! 

10 dicas para se prevenir na Black Friday

 

Confira as 10 dicas dadas pela Febraban em sua publicação nas redes e evite cair em ciladas.

1- Atenção à url do site

 

Sempre quando for fazer sua pesquisa em sites de busca, tenha muita atenção ao endereço do mesmo, aquilo que chamamos de URL.

Anúncios

 

Fraudadores se utilizam de “links patrocinados” para poder ganhar mais visibilidade e aparecer nas primeiras páginas dos resultados de busca. Verifique bem o endereço e, sob qualquer suspeita, evite até mesmo visitar o site.

2- Prefira os sites conhecidos

 

Ao procurar um site para aproveitar as ofertas da Black Friday, dê preferência para aqueles que são mais conhecidos, de empresas já consolidadas no mercado e que possuam avaliações e depoimentos de clientes que já compraram com elas.

3- Evite links desconhecidos

 

Links desconhecidos não são nada confiáveis.

 

Por isso, sempre desconfie das promoções que possuam preços extremamente menores que o valor real do produto e também dos seus demais concorrentes.

 

É normal que criminosos se aproveitem da excitação dos consumidores com a data e com a ânsia de fazer um grande negócio para assim coletar informações e aplicar golpes que geram grandes prejuízos.

4- Formulários? Tô fora!

 

Se por acaso você se deparar com formulários que são exigidos para que você acesse as promoções, não preencha.

 

Muitas vezes isso só serve para coletar seus dados e enviar spam posteriormente. Fique fora disso.

5- Cartões virtuais são mais aconselhados

 

Ao comprar na internet, sempre dê preferência aos cartões virtuais, justamente porque eles são feitos para isso.

 

Como eles não possuem um número fixo e estão sempre mudando a cada compra, isso impossibilita a aplicação de golpes ou fraudes de clonagem de seu cartão.

 

Por isso, ao comprar na Black Friday pela internet, esqueça os cartões físicos e dê prioridade aos virtuais.

6- Compra física também merece atenção

 

Não é somente na internet que devemos aumentar os nossos cuidados. Ao fazer compras em estabelecimentos físicos, também precisamos redobrar a nossa atenção.

 

Ou seja, sempre confira o valor colocado na maquininha de cartão antes de digitar a sua senha. Verifique se o valor corresponde ao que você comprou.

7- Atenção aos boletos

 

Se você vai pagar uma compra através do boleto bancário, antes de acessar o bankline e fazer o pagamento, certifique-se que a empresa beneficiária que aparece no documento é realmente da empresa a qual você está realizando a sua compra.

 

Caso o nome seja diferente de onde a compra foi feita, não conclua a transação.

8- Cuidado com o seu cartão

 

Outra dica para compras presenciais: sempre que for comprar em estabelecimentos físicos com o seu cartão de crédito, verifique se o cartão devolvido é realmente o seu.

 

O ideal é que em nenhum momento você entregue o plástico na mão de terceiros, mas caso isso ocorra, certifique-se de não perder o seu cartão.

9- Evite usar computadores públicos ou estranhos

 

Essa dica é importante e não somente para a Black Friday. Nunca utilize computadores públicos ou de estranhos para fazer compras na internet ou então digitar os seus dados bancários.

 

Você corre o risco de ter os seus dados roubados e ter compras indevidas em seu nome.

10- Os antivírus são nossos aliados

 

Tanto para fazer compras, como também para navegar na internet descompromissadamente, é ideal que o seu computador ou smartphone estejam com o antivírus atualizado.

 

Além de lhe proteger, eles também avisam quando o site não for seguro.

 

Ah, lembre-se também de sempre utilizar softwares e apps originais.

 

Pablo Januario