Como paralisar prestações de imóveis e carros por 60 dias [Especial Corona Virus]

Atualizado em 26 de mar de 2020

O Conselho Monetário Nacional (CMN) determinou que instituições financeiras podem perdoar o pagamento de prestações de casas e carros por dois meses.Assim, grandes bancos como Caixa Econômica, Itaú, Bradesco e Santander começaram a oferecer o benefício para os seus clientes. Essa é uma das medidas para tentar vencer a crise causada pelo Coronavírus.

Essa medida já está sendo colocada em prática e beneficiando todos que possuem imóveis ou carros financiados em bancos, além de atingir outros tipos de dívidas. Mas, para isso existe uma exigência, só vale para quem estava pagando as prestações em dia antes disso. Só que na Caixa, quem tiver até duas parcelas em atraso poderá se beneficiar.

Sem juros ou multa

O melhor de tudo é que seguindo essa medida a taxa de juros será mantida e não haverá cobrança de multa. Outro detalhe importante é que as parcelas serão mantidas de maneira normal, ou seja, quando o período terminar, as pessoas não vão precisar pagar duas parcelas em um único mês. Os meses que não foram pagos devem ser quitados no fim do financiamento.

Facilidade para fazer o pedido

Quem tem financiamento em algum banco, seja de carro ou de casa, poderá aproveitar essa medida. Para evitar que o vírus se espalhe ainda mais, o pedido poderá ser feito pelo canal eletrônico, como é o caso do internet banking e pela central de atendimento telefônica. Ou seja, não será necessário ir até uma das agências.

E não demorou para que o sistema da Caixa fosse sobrecarregado. A partir disso, os bancos começaram a trabalhar pela melhoria dos sistemas, para que o serviço fosse consultado de maneira mais rápida.

Leia também:
Crédito Consignado Caixa

Como faço para congelar minhas parcelas?

Se você tem conta em um desses bancos que citaremos a seguir, ficará mais fácil para fazer esse pedido. É bom lembrar que o procedimento é diferenciado em cada uma das instituições financeiras, por isso é importante seguir os passos.

Se o cliente estiver utilizando o FGTS para pagar as prestações, então será impossível solicitar a pausa. O banco terá até 48 horas para fazer a pausa, desde o momento em que a pessoa faz a solicitação.

Clientes que possuem operação de Home Equity (Crédito Imóvel Próprio) terão que ter pago pelo menos 11 parcelas para fazer a solicitação.

Pedidos no Itaú

O pedido para adiamento no Itaú deve ser feito pela central de atendimento. Quem mora em capitais ou regiões metropolitanas deve ligar para o 4002-0234 e para outras localidades no 0800-729-0234.

Se tiver um financiamento imobiliário, então pode ligar de segunda a sexta, das 8h às 21h, pelo telefone 4004-7051, ou então no 0300-789-7051 para quem mora em outros municípios.

Pedidos no Bradesco

O Bradesco promete disponibilizar a prorrogação por 60 dias, mas não deu muitos detalhes. No site do banco foi adicionada uma página para a renegociação de dívidas.

Pedidos no Santander

O Santander lançou um hotsite para facilitar a prorrogação das parcelas e evitar dívidas. O banco ampliou em 10% o limite do cartão de crédito de todos os clientes que estão adimplentes.

Pedidos na Caixa

A Caixa está disponibilizando o WhatsApp 0800-726-8068 e o telesserviço 3004-11-05 para capitais e o fone 0800-726-0505 para outras localidades, então digite a opção 7. O serviço funciona de segunda a seta, das 8h às 20h.

Se você tem um financiamento como pessoa jurídica, também poderá fazer essa solicitação, para isso, primeiro acesse o aplicativo Habitação Caixa, faça o seu login e vá na aba Serviços. Vá em Solicitar Pausa Emergencial, leia as orientações e clique em Próximo, aí é só autorizar o recebimento de SMS.

Leia também:
Crédito Votorantim consignado

luan