Contas com TED grátis: Melhores bancos, taxas e detalhes!

Atualizado em 31 de out de 2019

Imagine que você queira investir fora do seu banco, buscando uma forma diferente de garantir uma boa rentabilidade nas aplicações. Ou então que precise fazer uma transferência para um amigo referente a algum débito seu com ele. Essas situações são bem comuns e tenho certeza que você já passou por alguma delas. Se sua resposta foi sim, você teve que pagar uma tarifa bem desagradável: o TED.

Todas as vezes que precisamos enviar dinheiro para outra conta de um banco que não seja o nosso, temos que arcar com essa taxa de transferência, que costuma ser um tanto salgada se formos avaliar o quanto gastamos apenas com essa tarifa ao final do mês ou ano. É algo extremamente chato!

Mas felizmente, cada vez estamos nos deparando com opções de contas que oferecem isenção nesse tipo de taxa, são as cada vez mais populares contas digitais.

Essa nova modalidade veio para ficar e tem atraído consumidores de todos os tipos por conta das enormes vantagens que elas apresentam. Além da isenção no valor do TED, as contas digitais geralmente não cobram taxa de manutenção e possuem cartões de crédito sem anuidade, entre outras vantagens.

Abaixo, vamos conhecer um pouco mais sobre a cobrança da taxa de transferência e os bancos que oferecem isenção da mesma. Siga lendo e confira as principais opções de conta corrente para você!

Tarifa TED nos bancos tradicionais

Imagine que você tenha que transferir R$ 100,00 por mês para a conta de um amigo ou mesmo para uma corretora onde você faz investimento em títulos públicos. Se você é correntista do Banco Bradesco, por exemplo, terá que arcar com as tarifas de transferência entre contas, que é de R$ 8,95 por operação. Se você é cliente do Itaú, o valor é ainda maior, sendo de R$ 9,25.

A cada ação dessa, os banco estarão descontando essa quantia de seu saldo. Talvez você ache irrisório esses valores, mas analise ao longo de um ano, 12 meses. Ao final desse período, você terá gasto uma quantia de mais de R$ 100,00.

Se as transferências realmente forem com o intuito de investimento, a taxa do TED representa quase 10% do valor total investido. Ou seja, é um dinheiro perdido e que poderia ter sido usado com mais sabedoria, não é mesmo? Por isso, pra quem tem costume de realizar transferências entre diversas instituições financeiras, optar por contas que não cobrem pelo TED pode ser uma boa forma de economizar.

Como vimos acima, se pegarmos a quantia total gasta com esse tipo de tarifa, ao final de um período (ao longo de um ano, por exemplo), temos um valor exorbitante sendo usado apenas na ação de transferir, cuja retorno é zero.

Vamos abaixo conhecer os bancos que não cobram por transferência e lhe ajudar a escolher o melhor para a sua vida financeira.

Banco Inter

O Banco Inter é um dos mais populares dessa nova onda de contas digitais. Antes chamado de Intermedium, o banco existe desde 1994, mas foi recentemente que ele se modernizou para atender às crescentes demandas dos bancos com contas digitais.

A conta corrente do Banco Inter praticamente não cobra tarifa nenhuma, vindo com um cartão de débito MasterCard para compras e saques em caixas da Rede 24Horas. Uma das vantagens é que você pode transferir valores em dinheiro para a sua conta sem ter que pagar taxas para isso, utilizando o método de boleto bancário. É só digitar o valor no aplicativo e estipular o vencimento, após isso você tem um boleto e pode pagá-lo da forma que quiser.

Leia também:
Como abrir uma conta no Banco Inter?

As contas do Banco Inter, tanto para pessoas físicas, como para PJs, não cobram pela realização de TEDs, havendo para a conta empresa, um valor de 100 gratuitos por mês.

Além disso, o banco também oferece opções de investimento e um cartão de crédito sem anuidade.

Pag!

O Pag! faz parte do Grupo Avista e oferece um cartão de crédito que também não cobra anuidade e uma conta digital totalmente gratuita.

Nela, você pode fazer transferências ilimitadas para qualquer banco sem ter que pagar por tarifas. Todo gerenciamento da conta do Pag! e feito através do aplicativo disponível para Android e iOS.

Leia também:
Como Solicitar Um Cartão de Crédito Meu Pag

Nubank

O Nubank também está entre os bancos digitais mais populares do momento. A abertura de sua conta é totalmente gratuita e também é bem rápida. Tudo é feito pelo aplicativo e em alguns poucos minutos você já tem a NuConta em seu nome.

Não há tarifa para manutenção de sua conta e quase todos os serviços são gratuitos.

Você pode fazer transferências ilimitadas, em tempo real ou por agendamento, tanto entre contas Nubank como para outras instituições, via TED, de graça e sem limite de valor. Pela conta você também pode pagar boletos e inclusive a própria fatura do cartão de crédito Nubank sem custos adicionais.

Leia também:
Como abrir uma conta digital no NuBank

Sofisa Direto

Mesmo não sendo tão popular entre os consumidores, o Sofisa Direto tem apresentado uma conta bem competitiva ao mercado.

A sua conta digital é inteiramente gratuita, não cobrando por taxa de manutenção e saque, possuindo um cartão de crédito MasterCard que debita o valor da fatura direta da sua conta.

Além de tudo isso, a conta da Sofisa Direto também não possui cobrança de tarifa de transferência para outras contas, sendo o TED/DOC totalmente gratuitos e ilimitados.

Leia também:
Como abrir uma conta digital no NuBank

Analise bem na hora de escolher a sua conta

A chegada dos bancos digitais trouxe bastante concorrência para o setor bancário. Antes, um mercado dominado por poucas instituições, hoje oferece uma variedade grande de opções para que o consumidor escolha a que mais se adequa às suas necessidades.

Por isso, no momento de escolher qual conta corrente ter, analise bem as tarifas cobradas por cada uma delas, as suas limitações e os seus diferenciais. Como vimos, pagar por cada transferência entre contas de diferentes bancos não é algo benéfico para a sua saúde financeira, podendo simbolizar um gasto grande e desnecessário.

Compare as contas, suas vantagens e escolha a melhor para você e seu bolso!

Leo Caprara