Portabilidade de crédito imobiliário: vale a pena?

Atualizado em 29 de jul de 2020
Anúncios

Você sabe o que é a portabilidade de crédito imobiliário? Bom, este é um recurso que permite que você transfira uma dívida de um banco para outro de forma completamente gratuita.

Geralmente, isso ocorre quando as demais instituições financeiras oferecem melhores condições de pagamento de determinada dívida. Mas será que realmente é vantajoso optar por esse recurso?

Se você possui essa dúvida, abaixo você irá encontrar todos os detalhes sobre como funciona a portabilidade de crédito e se ela realmente vale a pena.

Siga lendo e confira!

ed

Como funciona a portabilidade de crédito imobiliário?

Na verdade, todo o tipo de portabilidade de crédito funciona do seguinte modo:

Você tem uma dívida de um empréstimo ou financiamento que é contratada por outro banco, um que ofereça melhores condições de pagamento e taxas de juros mais baixas, por exemplo.

Anúncios

Desse modo, você pode fazer a quitação antecipada da sua dívida adquirida no primeiro banco. Aqui, vale destacar também que essa transferência não cobra impostos, porém, apenas quando o novo crédito não ultrapassa o valor da dívida original da primeira instituição que concedeu o empréstimo.

E para que você tenha plena certeza de que não será obrigado a pagar qualquer cobrança adicional, é essencial que você informe o banco de origem que a transferência se trata de uma portabilidade.

Quem pode fazer?

Qualquer cidadão pode estar fazendo uma portabilidade de crédito imobiliário. Porém, não é possível optar por este serviço quando o imóvel está em etapa de construção ou planta. Desse modo, para realizar a portabilidade de crédito imobiliário, é preciso que o imóvel esteja pronto.

Além disso, quem opta por realizar a portabilidade deve fazer parte da SFH — Sistema Financeiro de Habitação.

Leia também:
Chegada do IZ Pay Supercashback promete revolucionar o mercado

Vantagens

São algumas vantagens de optar por esse recurso:

  • Redução no valor da parcela: um dos grandes diferenciais da portabilidade de crédito é poder levar a sua dívida para outro banco com menores taxas de juros. Ou seja, você permanece com o crédito do mesmo valor, mas paga menos a cada mês;
  • Mais liberdade: você tem total autonomia para pesquisar, comparar e escolher a instituição financeira que deseja transferir sua dívida;
  • Flexibilidade: independentemente do banco que você escolher, não é preciso abrir uma conta-corrente nele.

Desvantagens

Por outro lado, também existem desvantagens no uso da portabilidade de crédito imobiliário, confira:

  • Vencimento do contrato: fazer portabilidade de crédito que está próximo do vencimento não é muito vantajoso. Dado isso, tente renegociar a dívida restante no banco de origem para ter melhores condições e menores taxas;
  • Taxas de juros: não é viável realizar a portabilidade se a outra instituição financeira que você escolheu possui taxas de juros iguais ou maiores que as do banco de origem.

Portabilidade de crédito imobiliário vale a pena?

Sim, desde que você transfira a sua dívida para um banco que tenha taxas de juros interessantes.

É sempre importante avaliar nesse processo o atendimento realizado no banco de origem. Se não cumpriu com suas expectativas, procure por outro que dê um suporte ao cliente mais eficiente.

 

Anúncios

Pablo Januario