Quais bancos estão adeptos para ter o PIX?

Atualizado em 16 de set de 2020
Anúncios

Sem dúvidas, um dos assuntos mais comentados nos últimos meses dentro do universo de tecnologia e meios de pagamento, é justamente a criação do PIX, o sistema de transações financeiras do Banco Central do Brasil.

Desde o seu anúncio, a plataforma já criou muita expectativa sobre o seu lançamento. A novidade tem agradado muitos por sua rapidez e praticidade: o PIX funcionará 24 horas por dia, inclusive em finais de semana e feriados.

A previsão de lançamento da plataforma é para o dia 5 de novembro, e por enquanto, o sistema ainda está em fase de testes e alguns bancos já aderiram ao mesmo e já estão realizando o pré-cadastro na plataforma.

As principais instituições bancárias do país já estão promovendo o pré-cadastro no PIX, que é basicamente o registro da chave de identificação que será utilizada nas operações.

Será que o seu banco também aderiu ao PIX? Abaixo, você confere quais as instituições financeiras estão trabalhando no pré-cadastro da plataforma e como você pode fazer isso.

Ampla adesão ao Pix

O próprio Banco Central já informou que o PIX recebeu ampla adesão das instituições financeiras e bancárias do país. O BC liberou a lista dos bancos interessados no uso da plataforma e que já estão testando os seus sistemas para agregar o PIX em seus serviços de pagamentos e transferências.

Anúncios

Entre os principais, podemos citar o Santander, Bradesco, Itaú e também fintechs como o Nubank, PicPay e Inter.

Ao todo, já são mais de 980 instituições financeiras que estão participando da etapa de testes e homologação da plataforma, e dentre esses quase mil adeptos, temos diferentes tipos de entidades que estão interessadas em oferecer o PIX ao seus clientes.

São bancos, cooperativas e fintechs que, assim que o sistema for oficialmente lançado, contarão com o sistema de pagamento instantâneo do PIX.

Leia também:
Crédito pessoal Uber de até R$ 5 mil para motoristas do app

Bancos com mais de 500 mil clientes vão operar com a tecnologia, e atualmente, são 34 instituições que fazem parte desse grupo e o prazo para a adesão terminou no dia 1° de junho, porém, uma nova janela será aberta em dezembro deste ano.

Bancos tradicionais adeptos ao PIX

Os bancos tradicionais possivelmente são aqueles que mais sentirão a mudança que o PIX promove. Com o advento do sistema, essas instituições perderão a possibilidade de gerar receitas com os DOCs e Teds, além de outras operações.

Sendo assim, mesmo que de forma ligeiramente discreta, os bancos tradicionais já começaram a pré-cadastrar os seus clientes. Vejamos quais são:

Bradesco

O Bradesco é um dos bancos que ofertaram a funcionalidade do sistema do PIX, e inclusive, já possui um botão em seu app dedicado para que os seus usuários possam fazer o pré-cadastro na plataforma.

O botão está localizado na terceira fileira dos serviços do aplicativo.

Banco do Brasil

O Banco do Brasil, como uma das mais tradicionais instituições públicas do meio bancário, também não poderia ficar fora do sistema PIX.

Segundo o próprio banco, o BB já começou a comunicar seus clientes em seus canais e redes sociais. O banco soltou o seguinte comunicado:

“A abordagem tem como objetivo levar entendimento sobre o que é, como vai funcionar e os benefícios da solução aos clientes e usuários de serviços financeiros, para que quando iniciado o cadastramento, em outubro, os clientes já entendam o que é o Pix”, afirma o texto.

Santander

Entre os grandes bancos, o Santander foi, sem dúvidas, aquele que mais fez barulho com o PIX.

O banco tradicional anunciou a criação do SX, uma plataforma baseada no sistema do BC que até contou com a Ana Paula Arósio como garota propaganda.

Leia também:
5 fintechs brasileiras que devem virar empresas unicórnios em breve

Descrito como “o PIX especial do Santander”, a solução utiliza a plataforma de pagamentos e transferências do Banco Central, porém, com uma interface do próprio Santander. Além disso, o SX também traz alguns outros produtos, como 10 dias sem juros no cheque especial.

Para quem deseja se cadastrar no SX, é preciso entrar no hotsite do sistema e informar o CPF e senha do Internet Banking.

Itaú

Apesar do Itaú também estar na lista dos adeptos do PIX, o banco ainda não informou como funcionará o pré-cadastro das chaves para os seus correntistas. Entretanto, na página do hotsite do banco sobre o PIX, um texto afirma:

“Aguarde, a partir do dia 5 de outubro será possível realizar o cadastro da sua chave Pix, antes mesmo do lançamento dessa nova forma de pagar e receber.”

Bancos digitais adeptos do PIX

As fintechs já possuem, naturalmente, um DNA mais digital que as tradicionais instituições bancárias, e justamente por isso, foram as primeiras a agilizarem o pré-cadastro dos clientes no sistema do PIX.

Banco Original

O Banco Original é uma das fintechs que agregarão o sistema PIX em sua plataforma e ela já vem se comunicando com os seus clientes a respeito disso, e de maneira bem inusitada aliás.

A empresa vem usando um bot de atendimento para conversar com correntistas sobre o pré-cadastro no PIX, oferecendo informações importantes e tirando eventuais dúvidas.

Nubank

O Nubank também está se preparando para o uso do PIX e já está fazendo o pré-cadastro das chaves do sistema.

No app do banco, já existe um botão específico para esta função, e ao clicar nele, o usuário poderá escolher qual o tipo de chave deve usar como identificador, podendo ser e-mail, CPF ou número de celular.

Leia também:
Empréstimo consignado: como quitar de forma antecipada?

Ao fazer isso, é só esperar até novembro para começar a utilizar o PIX. Com isso, a fintech afirma que manterá o usuário informado sobre os próximos passos do sistema, a partir de notificações no próprio aplicativo.

Banco Inter

Assim como o seu principal concorrente, o Banco Inter também já iniciou o processo de pré-cadastro para o PIX junto aos seus correntistas. O botão está localizado no aplicativo do banco, que indica “Entre no pré-cadastro do PIX”. Ao acessar, o usuário só precisa aceitar os termos e confirmar.

Porém, até o momento apenas o CPF pode ser usado no cadastro da chave de identificação.

Anúncios

Pablo Januario